quarta-feira, 26 de agosto de 2009

******** O céu e as nuvens ********


O céu e as nuvens


No lindo céu azul
passeiam algumas nuvens
faceiras e sorridentes
no sentido sul.

Outras brincam de faz de conta,
formando belas figuras de animais e
de anjos,desfazendo-se em seguida...

Há as que parecem
floquinhos de algodão
tão singelas dando
um toque de leveza
à natureza...
Em conjunto,desenham com carinho...
pincelam de branquinho...
Recebem toques rosados...
Outras vezes alaranjados...
Outras avermelhados...
Em sua tela preferida.

Eliane Santoro da Costa


Podem ler também:"Contemplação" e "Nuvens bailarinas"




11 comentários:

alegria de viver disse...

Querida amiga
Só uma linda alma para olhar o céu e ver todos esses desenhos nas nuvens.
E ainda fazer lindos poemas.
Minha irmã escolhida pelo meu coração.
Todo o meu carinho BJS.

alegria de viver disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Filomena disse...

Eliane!
Há uma nuvem que parece mesmo um cachorrinho!

Que enlevo e que palavras tão bonitas para descrever as nuvens


Beijinhos


Filomena

Filomena disse...

Eliane!

deixa-me levar este poema para o meu mundo de fantasia?
Claro que coloco o autor como faço com a Manuela!

Aguardo resposta


Filomena

Eliane Santoro da Costa disse...

Filomena!

É um imenso prazer que você coloque minha postagem no seu mundo de fantasia.

Beijinhos de luz!

Anne Scandell fadacom disse...

Querida amiga, fico feliz que se preocupes comigo. Por isso tenho você em meu coração. Estou melhor e te desejo todo encantamento para continuar a ser a fadinha que vocÊ é.
O céu e as nuvens são mesmo um encanto, nos deixam voar através de suas imagens encantadas, adorei voar por aqui.
Bjo encantado de uma fadinha que adora voar.

Filomena disse...

Eliane!
Já coloquei o seu poema e já lá brilha o seu nome, mas não sei o que se passa com os textos daquele blog que parecem todos condensados e perdem metade da beleza.

Muito obrigada


Beijinho

Filomena

bruxamarytsha disse...

Nossa que lindo esse póema, adorei, beijocas

Canduxa disse...

Querida Eliane

As nuvens também me fascinam.
Estou sempre a tentar descobrir uma mensagem com os desenhos que elas formam.
Perco-me nesse céu azul cheio de nuvens de algodão….é lindo deixar a nossa criança interior brincar com elas.
O seu poema é suave e delicado.
Um grande abraço cheio de luz

Nely disse...

Li algures que nuvens são pensamentos perdidos...alguns brancos puros de formas lindas, outros negros cheios de ira. Sua morada difinitiva é o céu para que possam ser avaliados por Deus, que os separa e os transforma fazendo com que uns deixem o sol brilhar atravez deles e outros se derramem sobre a terra em chuvas imensas tornando a ira em manancial de bencãos para a terra.
Gosto de pensar que assim é!!
Obrigado por sua doce companhia nestes ultimos tempos Fada. Sua varinha mágica fêz com que o meu amigo partisse deixando a dor e o sofrimento que estava a viver, foi melhor assim. Doeu muito, mas vê-lo a sofrer doía mais...
Um beijo amigo.

bruxamarytsha disse...

Menina, que lindo!!! E vc descreveu bem as nuvens, são assim mesmo, basta prestar atenção, beijocas