quinta-feira, 13 de agosto de 2009

******** Discreta despedida ********


Discreta despedida

Diante de mim
um lindo dia se descortina...
O sol penetrando
a tudo alegrando
com sua vibrante energia...


Sentir reverente
a uma árvore diferente...
Folhinhas alaranjadas e brilhantes
caindo graciosamente
ao toque delicado
da agradável brisa..

Contato suave
meu corpo sente
ao caírem displicentes
e refulgentes.

Discreta sua despedida
bela a maneira
como se despedem dos seus
dançando a valsa do adeus...

Eliane Santoro da Costa

12 comentários:

bruxamarytsha disse...

Nossa, que coisa linda sua poesia, bela descrição, beijocas

bemviver disse...

Querida amiga são lindos seus poemas,a descrição da despedida das folhinhas é alegre e poetica.
A imagem tem o colorido da dança das folhas, está maravilhosa.
Todo o meu carinho para você, a melhor amiga que eu tenho na mesma sintonia.
BEIJOS.

Flavinha disse...

Pessoa pra lá de inspirada hein!
Adoro sempre!
Sobre o pole, é meu treino particular.Mas não tem como por em casa. Na minha não cabe, na do Daniel é de gesso.Então sempre q der eu levo pra academia, monto lá entende?
Viu o filme??
Bjosssss

Canduxa disse...

Querida amiga,

E nesse doce embalar da despedida, renasce a esperança de um novo renascer...não muito longe.
Lindo poema!
Beijinhos com muita luz

Maria Emília disse...

Amiga Eliane, este poema tem para mim uma magia muito especial porque a estação do ano que mais me encanta é o Outono com as suas cores, o cair da folha e a simbologia que nela encontro.
Um grande beijinho.
Maria Emília

Fadinha disse...

Linda Poesia!!!

beijinhuuss

*Adriana* disse...

"Contato suave
meu corpo sente
ao caírem displicentes
e refulgentes". Amei seu poema!! Passei aqui e me apaixonei pelo seu blog, está muito lindo! Obrigada pela visita e te desejo uma ótima semana!!

Um grande abraço,
Adriana

Tatiana disse...

Uma despedida narrada assim em versos fica até menos doída!

Adoro a sua forma de dar vida as letras!

Um beijo carinhoso

EVELIZE SALGADO disse...

As estações são ciclos, vão e vêm, e a cada despedida, um novo amanhecer! E a cada momento, uma nova vida...
Beijos, querida fada!

bruxamarytsha disse...

Bom dia querida, espero que vc esteja bem. Perdoe-me a demora, estou sem tempo, beijocas

bruxamarytsha disse...

Bom dia querida, espero que vc esteja bem. Perdoe-me a demora, estou sem tempo, beijocas

manuela baptista disse...

Como nos temos sempre encontrado num mundo da fantasia, passaremos a encontrar-nos também aqui.

Saudações às fadas!

Manuela Baptista